Frases de Frederic G. Kenyon

Frederic G. Kenyon foto
0  0

Frederic G. Kenyon

Data de nascimento: 15. Janeiro 1863
Data de falecimento: 23. Agosto 1952

Publicidade

Sir George Frederic Kenyon GBE KCB TD FBA FSA foi um paleógrafo britânico, estudioso da Bíblia. Foi diretor do Museu Britânico e presidente da Academia Britânica de 1917 a 1921 e, entre 1918 a 1952 parlamentar.

Kenyon nasceu em Londres. Educado em Magdalen College, Oxford, ele aderiu ao Museu Britânico em 1889 e passou a ser o seu diretor e chefe Bibliotecário a 1909. Ele foi knighted para os seus serviços em 1912.

Em 1891, editou o Kenyon editio princeps aristotélico da Constituição de Atenas. Em 1920, ele foi nomeado presidente da British School de Arqueologia, em Jerusalém. Ele passou a maior parte de sua aposentadoria pesquisar e publicar papyri antigas. Ele morreu em 23 de agosto de 1952.

Kenyon foi um estudioso das línguas clássicas notar, e fez uma longa vida de estudo da Bíblia, especialmente o Novo Testamento como um texto histórico. Seu livro A nossa Bíblia e os Manuscritos Antigos mostrou como papyri egípcios e de outras provas de arqueologia podem corroborar a narrativa de acontecimentos históricos, no Evangelho.

Kenyon da filha mais velha foi o arqueólogo britânico Dame Kathleen Kenyon.

Citações Frederic G. Kenyon

„The history of the Bible text is a romance of literature,“

— Frederic G. Kenyon
Context: The history of the Bible text is a romance of literature, though it is a romance of which the consequences are of vital import; and thanks to the succession of discoveries which have been made of late years, we know more about it than of the history of any other ancient book in the world. Chapter I, The Bible And Recent Discoveries, p. 4

Publicidade
Publicidade
Publicidade