Frases de Carlos I de Inglaterra

Carlos I de Inglaterra foto
0  0

Carlos I de Inglaterra

Data de nascimento: 19. Novembro 1600
Data de falecimento: 30. Janeiro 1649
Outros nomes:Re Carlo I d'Inghilterra

Publicidade

Carlos I foi o Rei da Inglaterra, Escócia e Irlanda de 1625 até sua execução. Era o segundo filho do rei Jaime VI da Escócia e sua esposa Ana da Dinamarca; quando seu pai herdou o trono inglês em 1603, Carlos se mudou para a Inglaterra onde passou a maior parte da vida. Ele se tornou herdeiro aparente quando seu irmão Henrique Frederico morreu. Uma tentativa mal sucedida e impopular tentou casar Carlos com uma princesa espanhola em 1623. Dois anos depois se casou com a francesa Henriqueta Maria.

Depois de sua sucessão, Carlos começou uma luta pelo poder contra o parlamento inglês, tentando obter uma receita enquanto o parlamento tentava restringir sua prerrogativa real. Ele acreditava no direito divino dos reis e achou que podia governar de acordo com sua consciência. Muitos de seus súditos eram contra suas políticas, particularmente suas interferências nas igrejas inglesa e escocesa e o aumento de impostos sem o consentimento parlamentar, vendo suas ações como de um monarca absoluto tirano.

As políticas religiosas de Carlos, junto com seu casamento com uma católica, geraram antipatia e desconfiança entre grupos reformistas como os puritanos e calvinistas, que o viam como muito católico. Ele apoiava clérigos controversos como Ricardo Montagu e Guilherme Laud, quem Carlos nomeou Arcebispo da Cantuária, falhando em ajudar forças protestantes durante a Guerra dos Trinta Anos. Suas tentativas de forçar reformas religiosas na Escócia gerou as Guerras dos Bispos, aumentou a posição dos parlamentos inglês e escocês e ajudou a precipitar sua queda.

A partir de 1641, Carlos lutou contra as forças dos dois parlamentos na Guerra Civil Inglesa. Depois de ser derrotado em 1645, ele se entregou para forças escocesas que o entregaram para o parlamento inglês. Carlos se recusou a aceitar as exigências de uma monarquia constitucional protestante e temporariamente fugiu em novembro de 1647. Recapturado na Ilha de Wight, ele criou uma aliança com a Escócia, porém o Exército Novo de Oliver Cromwell consolidou seu controle da Inglaterra no final de 1648. Carlos foi julgado, condenado e executado por traição em janeiro de 1649. A monarquia foi abolida e uma república foi declarada. O Interregnum inglês terminou em 1660 e a monarquia foi restaurada com seu filho Carlos II.

Citações Carlos I de Inglaterra

„I cannot flatter myself with the expectation of good success more than this, to end my days with honour and a good conscience.“

— Charles I of England
Context: I confess that, speaking as a mere soldier or statesman, there is no probability of my ruin; yet, as a Christian, I must tell you that God will not suffer rebels and traitors to prosper, nor this cause be overthrown, and whatever personal punishment it shall please hi to inflict on me, must not make me repine, much less give over this quarrel... Indeed, I cannot flatter myself with the expectation of good success more than this, to end my days with honour and a good conscience. Remark to Prince Rupert of the Rhine in 1646, just before surrendering to Parliament and its New Model Army. As quoted in Early Modern England: A Narrative History (2009) by Robert Bucholz and Newton Key, p. 258

Publicidade

„I go from a corruptible to an incorruptible Crown, where no disturbance can be, no disturbance in the World.“

— Charles I of England
Last words, said on the scaffold before his execution. ([http://anglicanhistory.org/charles/charles1.html 30 January, 1649]).

Aniversários de hoje
Manoel de Barros57
poeta brasileiro 1916 - 2014
Geraldo Lapenda foto
Geraldo Lapenda5
1925 - 2004
Emily Brontë foto
Emily Brontë29
Escritora e poetisa britânica 1818 - 1848
Outros 44 aniversários hoje