„Estou farto de analisar as pessoas. É demasiado simples e não leva a lado nenhum.“

Última atualização 18 de Janeiro de 2019. História
Elias Canetti photo
Elias Canetti30
1905 - 1994

Citações relacionadas

Miguel Sousa Tavares photo
David Nicholls photo
George Sand photo

„O verdadeiro é demasiado simples e torna-se indispensável chegar lá através da complicação.“

—  George Sand 1804 - 1876

Variante: O verdadeiro é demasiado simples, mas chega-se sempre lá pelo caminho mais complicado.

Albert Camus photo

„O que é a felicidade além da simples harmonia entre o homem e a vida que ele leva?“

—  Albert Camus 1913 - 1960

citado em "Frases Geniais" - Página 14, de PAULO BUCHSBAUM - Editora Ediouro Publicações, ISBN 8500015330, 9788500015335

Suzanne Collins photo
Baltasar Gracián photo
Clodovil Hernandes photo
Agostinho da Silva photo
Antoine de Saint-Exupéry photo
Mike Shinoda photo
Charlie Chaplin photo

„Por simples bom senso, não acredito em Deus. Em nenhum.“

—  Charlie Chaplin Comediante, ator e cineasta britânico 1889 - 1977

Citação de Chaplin no livro Manual of a Perfect Atheist de Eduardo Del Rio Garcia (1994)

Johann Wolfgang von Goethe photo
José Ortega Y Gasset photo
Gabriela Duarte photo

„É muito bom ser filha dela, não vejo nenhum lado negativo“

—  Gabriela Duarte 1974

sobre o fato de ser filha da atriz Regina Duarte, dia 19 de fevereiro, no Altas Horas, da Rede Globo

Timothy Leary photo

„O meu conselho para as pessoas atualmente é o seguinte : se você leva o jogo da vida a sério, se você leva o seu sistema nervoso a sério, se você leva os seus órgãos de sentido a sério, se você leva o processo da energia a sério, você tem que se ligar, sintonizar e cair fora.“

—  Timothy Leary 1920 - 1996

My advice to people in American today is as follows: If you take the game of life seriously, if you take your nervous system seriously, if you take your sense organs seriously, if you take the energy process seriously, you must turn on, tune in, and drop out.
The politics of ecstasy‎ - Página 353, Timothy Leary - Putnam, 1968 - 371 páginas

„Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Etiam egestas wisi a erat. Morbi imperdiet, mauris ac auctor dictum.“