„Quando o grande sacerdote olha para o rico e para o nobre, ele sorri com compaixão e imagina como é possível que essas pessoas não distingam os prazeres pelos sonhos vazios que são. Quando ele percebe belas mulheres, sua única reação é a piedade que sente pelos homens que habitam o mundo de desilusão e que são lançados às ondas do prazer carnal.
A partir do momento que um homem não mais responde, da maneira que for, às razões que regulam o mundo material, este mundo parecer estar em total repouso. Aos olhos do grande sacerdote o mundo aparenta apenas repouso; tornou-se uma mera figura num pedaço de papel, um mapa de uma terra distante. Quando se adquire um estado de espírito cujas paixões malignas do mundo presente foram completamente extinguidas, o medo também é extinguido. Assim o sacerdote já não é capaz de conceber porque o inferno deveria existir.“

— Yukio Mishima, Death in Midsummer and Other Stories

Publicidade

Citações relacionadas

Publicidade
Paulo Freire foto
William Shakespeare foto
Fiódor Dostoiévski foto
Publicidade
 Hegel foto
 Hegel foto
René Descartes foto
Publicidade
Tupac Shakur foto
Karl Marx foto
Próximo