Frases de Thomas Sankara

Thomas Sankara photo
4   21

Thomas Sankara

Data de nascimento: 21. Dezembro 1949
Data de falecimento: 15. Outubro 1987

Thomas Isidore Noël Sankara foi um militar, revolucionário marxista, pan-africanista e líder político de Burkina Faso. Foi um popular capitão e o primeiro-ministro quando o país ainda se chamava República do Alto Volta. Logo depois, tornou-se o quinto presidente voltense desde a libertação do jugo francês e o primeiro de Burkina Faso.

Ele também enunciou os objetivos da "revolução democrática e popular" com as tarefas de erradicar a corrupção, a luta contra a degradação ambiental, o empoderamento das mulheres, e aumentar o acesso à educação e cuidados de saúde, com o objetivo maior de eliminar resquícios da dominação colonial francesa. Durante o curso de sua presidência, Sankara implementou com sucesso programas que muito reduziram a mortalidade infantil, aumentaram as taxas de alfabetização e freqüência escolar, aumentaram o número de mulheres que ocupam cargos governamentais. Seu governo tentou abolir também os privilégios tribais e baniu as mutilações genitais, os casamentos forçados e a poligamia. Além disso, foi bem sucedido em promover campanhas contraceptivas e vacinações infantis. Na frente ambiental, somente no primeiro ano de sua presidência, 10 milhões de árvores foram plantadas, em um esforço para combater a desertificação. No primeiro aniversário da revolução que o havia levado ao poder, ele mudou a bandeira, o hino e o nome de República do Alto Volta para Burkina Faso, o que significa aproximadamente "terra de pessoas honestas " em mossi e diúla, duas línguas indígenas mais faladas do país. Ao longo de seus quatro anos no poder, Sankara pregou auto-suficiência econômica de Burquina Fasso.Apesar dos grandes avanços que foram feitos, houve forte oposição interna, em parte por causa dos problemas econômicos e às políticas sociais mais progressistas do governo que desagradavam os setores mais conservadores, e também de países vizinhos, especialmente Costa do Marfim e Togo, além de França e Estados Unidos. Sua administração foi perdendo apoio popular e também cresceram conflitos internos dentro de seu governo, até que em 15 de outubro de 1987, Sankara foi assassinado em um golpe de Estado liderado pelo aliado Blaise Compaoré e dois outros ex-colaboradores. Esta versão também foi confirmada por outros testemunhos liberianos que acusam também os serviços secretos franceses e a CIA pela morte de Thomas Sankara. Wikipedia

Citações Thomas Sankara

Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?
Esta tradução está aguardando revisão. Está correcto?

„I would like to leave behind me the conviction that if we maintain a certain amount of caution and organization we deserve victory. … You cannot carry out fundamental change without a certain amount of madness. In this case, it comes from nonconformity, the courage to turn your back on the old formulas, the courage to invent the future. It took the madmen of yesterday for us to be able to act with extreme clarity today. I want to be one of those madmen. … We must dare to invent the future.“

—  Thomas Sankara

From 1985 interview with Swiss Journalist Jean-Philippe Rapp, translated from Sankara: Un nouveau pouvoir africain by Jean Ziegler. Lausanne, Switzerland: Editions Pierre-Marcel Favre, 1986. In Thomas Sankara Speaks: The Burkina Faso Revolution 1983-87. trans. Samantha Anderson. New York: Pathfinder, 1988. pp. 141-144.

„We must choose between champagne for a few or drinking water for all.“

—  Thomas Sankara

Quoted in Le Monde https://www.lemonde.fr/culture/article/2021/12/23/thomas-sankara-l-itineraire-tourmente-d-un-homme-integre-sur-brutx_6107156_3246.html

„Capitalism is the arsonist of our forests.“

—  Thomas Sankara

Quoted in Le Monde https://www.lemonde.fr/culture/article/2021/12/23/thomas-sankara-l-itineraire-tourmente-d-un-homme-integre-sur-brutx_6107156_3246.html

„In these tempestuous times, we can't leave our enemies of the past and the present the monopoly on thought, imagination, and creativity.“

—  Thomas Sankara

From a speech to the United Nations on 4 October 1984 https://www.monde-diplomatique.fr/2007/10/SANKARA/15203

„We want to get our army involved with the people in productive work and remind it constantly that, without patriotic training, a soldier is only a criminal with power.“

—  Thomas Sankara

From a speech to the United Nations on 4 October 1984 https://www.marxists.org/archive/sankara/1984/october/04.htm

Aniversários de hoje
Josemaría Escrivá de Balaguer photo
Josemaría Escrivá de Balaguer27
Santo da Igreja Católica Apostólica Romana, fundador da pre… 1902 - 1975
Salvador Allende photo
Salvador Allende6
político chileno, 45° Presidente do Chile 1908 - 1973
Pearl S.  Buck photo
Pearl S. Buck19
1892 - 1973
Peter Sloterdijk photo
Peter Sloterdijk6
professor académico alemão 1947
Outros 49 aniversários hoje